TRIBUTO AO CORREIO DO POVO

I
Esta homenagem que presto
É a própria história viva
Feita por mãos de escribas
Numa saga centenária
Uma façanha legendária
Que não há uma outra igual
Referência nacional
Hoje com formato novo
O velho Correio do Povo
Ainda é o melhor jornal

II
Tu retratas em tuas páginas
Todo fato acontecido
Para ler e ser relido
Por milhares de leitores
De estudantes a professores
Tu vais formando opinião
Levando a informação
Do Interior a Capital
Por isso és o jornal
De maior circulação

III
Tu traz em cada caderno
Os fatos do dia a dia
Os assuntos da economia
Política, esporte e a geral
Polícia e a parte rural
E o que acontece na cidade
Mostrando a realidade
De todo nosso interior
Por isso diz teu leitor
Que tu és jornal de verdade

IV
Traduz a tua leitura
A notícia verdadeira
A informação de primeira
Feita por bons jornalistas
A opinião dos colunistas
E as notas de bastidor
A coluna do leitor
E de teus articulistas
Faz no meu ponto de vista
Um Jornalismo de valor

V
Por isso tu representas
A história de nossa gente
Que plantada qual semente
Germinou um fruto novo
És tu Correio do Povo
Que cada vez mais se expande
Em cada lugar que eu ande
É a mesma voz corrente
Teu jornalismo decente
Te faz o melhor do Rio Grande

POMPEO DE MATTOS
Deputado Federal
PDT/RS