REENCONTRO

I
Um verso eu faço p’ra ti
P’ra dizer – não esqueci
Desde o dia em que te vi
Tu menina, eu guri
Só eu sei o que senti
E te juro não falei
Mas comigo eu guardei
O que aconteceu só eu sei
E ainda tenho comigo
E hoje partilho contigo
Só porque te reencontrei

II
E como é bom reencontrar
E contigo partilhar
De outros tempos recordar
Reviver, rememorar
O que se guardou na mente
Mas sem esquecer o presente
E viver intensamente
Este momento, agora
Os minutos, cada hora
Sem deixar o tempo passar
Mil vezes contigo estar
Te sentir e te tocar
E outras  mil vezes te amar
Aqui e em todo o lugar

POMPEO DE MATTOS
Deputado Federal
PDT/RS